Vacina desenvolvida pela Pfizer e a BioNTech induz resposta imune em crianças de 5 a 11 anos

Vacina desenvolvida pela Pfizer e a BioNTech induz resposta imune em crianças de 5 a 11 anos

20 de setembro de 2021 Blog 0

A Pfizer e a BioNTech informaram hoje, 20 de setembro, que a vacina contra a Covid-19 desenvolvida por elas, em parceria, induz resposta imune robusta em crianças entre 5 e 11 anos de idade. Os testes de fase 2 e 3 para essa faixa etária foram realizados simultaneamente e incluíram 2.268 participantes. Ficou definida a utilização de duas doses de 10 microgramas do imunizante, por questões de segurança e imunogenicidade, aplicadas com 21 dias de intervalo entre uma e outra. Adolescentes de 12 a 17 anos estão recebendo a dose de 30 microgramas.

“Desde julho, casos pediátricos de covid-19 aumentaram em cerca de 240% nos Estados Unidos, enfatizando a necessidade da vacinação”, disse o presidente executivo da Pfizer, Albert Bourla, em comunicado à imprensa. “Os resultados desse teste fornecem uma fundação sólida para buscar autorização de nossa vacina para crianças entre 5 e 11 anos, e planejamos entregar o pedido à FDA (agência reguladora dos EUA) e outros reguladores com urgência.”

Estima-se que até o quarto trimestre de 2021 os resultados da faixa etária de 6 meses a 5 anos sejam divulgados. Essas idades foram divididas em dois grupos: de 6 meses até 2 anos e de 2 a 5 anos. Os dois grupos receberam doses abaixo de 3 microgramas nos ensaios clínicos.

Daqui, continuamos na espera e confiantes na ciência. Que os estudos avancem e o Brasil compre as doses necessárias para nossas crianças serem imunizadas também. Vacinação é questão de saúde pública.

 

Skip to content